Publicado em 15/07/2010 às 16h37, atualizado 20/02/2011 às 23h37

Traficante comandava crimes de dentro do presídio

Por Redação RADAR64

EUNÁPOLIS - Com a prisão de três mulheres, nesta quarta-feira (14), a Polícia Civil de Eunápolis afirma ter acabado de desarticular a quadrilha apontada como responsável pela maior parte do tráfico de drogas e homicídios na cidade.

Galeria de Fotos

O líder da organização criminosa, Ednaldo Pereira Souza, 22 anos, o 'Dada', já tinha sido preso no último dia 8, no bairro Antares. Segundo as investigações, que tiveram início em março, ele comandou o crime, por dois anos, de dentro do presídio de Teixeira de Freitas.

Na operação desta quarta, foram presas Elaine Alves Vieira, 23 anos, a 'Naninha', esposa de 'Dada', além de Janaína Alves de Oliveira, 33, e Natiele Santos Santana, 18.

O outro líder seria Rinaldo Pereira Souza, mais conhecido como 'Rena'. Ele é irmão de 'Dada' e encontra-se preso no presídio de Teixeira, de onde também conseguia se comunicar com os comparsas.
 
Fotos: RADAR64
'Dada' foi preso no dia 8; A mulher dele seis dias depois; Ele comandava tráfico e homicídios de presídio
Segundo os delegados Rodolfo Faro e Evy Paternostro, que comandaram a operação, 'Naninha' administrava os negócios do marido no período em que ele ficou preso. Os dois se falavam por telefone celular.

Foto: RADAR64 
Além de drogas, dinheiro e rádios de comunicação, balanças e uma pistola de uso restrito
Foram apreendidos em uma casa, no Moisés Reis, três quilos de crack, um quilo e meio de maconha prensada, quase R$ 6 mil em dinheiro, dois rádios de comunicação, duas balanças de precisão, uma pistola calibre Ponto45 - arma de uso restrito-, munições Ponto45 e nove milímetros, bem como um caderno com anotações de venda. Em uma semana, eles conseguiam movimentar até R$ 57 mil.

'Dada' tinha sido solto há 20 dias, por força de um alvará concedido pelo Tribunal de Justiça da Bahia, passando a responder a ação penal em liberdade, mas continuou sendo investigado. Os homicídios fomentados por eles aconteciam, na maioria das vezes, nos bairros Moisés Reis e Pequi.

'Assim que foi solto, Dada entrou em plena atividade criminosa, passando a comandar os negócios pessoalmente e, com receio de que pudesse estar sendo alvo de investigação, tentou se mudar para Teixeira de Freitas, de onde pretendia continuar dando as cartas, mas foi preso antes da fuga', diz Evy.

Foto: RADAR64 
Elas eram chamadas pelos chefes do tráfico de 'As meninas'
O delegado destaca que na cadeia de Eunápolis, quatro dias após ser preso, ele conseguiu um telefone celular e continuava a passar as instruções para a mulher sobre a quem vender e cobrar.

Segundo Evy, foi descoberto que 'Naninha' conseguiu introduzir o celular na carceragem por intermédio de um homem que trabalhava na reforma da cadeia, já identificado.

O delegado Rodolfo Faro informa que a polícia está no encalço de outros membros da quadrilha e também dos traficantes de menor porte, a quem o grupo fornecia a substância entorpecente. 'O forte da quadrilha era comprar drogas em grande escala e repassar para traficantes locais'.

Conforme o delegado Evy, 'Dada' é de alta periculosidade, lamentava a morte de um funcionário do tráfico no mês passado, em confronto com a Polícia Militar, pretendia comprar um fuzil e ameaçava matar policiais da cidade.

‘Dentro da cadeia, ele pediu papel e caneta para escrever uma carta para familiares, mas na verdade fazia era a contabilidade. Quanto tinha para receber, por exemplo. Só em uma semana, teria quase 50 mil a ser cobrado’, finaliza o delegado.

 

 
AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

Newsletter RADAR 64
Receba nossas notícias por e-mail
Aceito receber e-mails do RADAR 64 e parceiros
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Você já receberá nosso próximo envio.
Clique aqui se quiser cadastrar mais um e-mail.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RADAR64 2007 - 2014

Notícias Relacionadas

Mensagem enviada com sucesso!

Sua mensagem foi enviada ao RADAR 64 e responderemos a ela o mais breve possível.

O RADAR 64 agradece o contato,

Logo RADAR64

Caro visitante,

Nós do RADAR 64, disponibilizamos este canal de comunicação direto entre você e a nossa redação para atendê-lo da melhor forma possível.

Suas dúvidas, críticas e sugestões são elementos importantes para o aperfeiçoamento e qualidade do nosso portal de notícias.

Preencha o formulário desta página ou entre em contato através das opções descritas abaixo.