Falta de quebra-molas leva moradores a fechar rua no Stela Reis

Depois de pavimentação, tem motorista abusando da velocidade

Redação RADAR 64
Publicado em 11/07/2018 às 17h58
Foto: Internauta / RADAR 64 
Rua Estelita Melgaço, no bairro Stela Reis, está interditada desde o começo da tarde de quarta-feira

TEXTO SEGUE DEPOIS DA PUBLICIDADE

EUNÁPOLIS - Um grupo de moradores do bairro Stela Reis, na zona norte de Eunápolis, bloqueia a Rua Estelita Melgaço desde o meio-dia desta quarta-feira (11). Eles querem que a prefeitura instale quebra-molas na via, que foi pavimentada há poucos meses.

Segundo a comunidade, condutores de carros e motos aproveitam que o asfalto está em boas condições para abusarem da velocidade, colocando a vida de pedestres em risco.

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
O comerciante Luiz Carlos Tartanha afirmou que já ocorreram vários atropelamentos na rua após o asfaltamento. “Hoje meu filho foi atropelado. Por sorte não foi nada grave”, declarou ele.

Os manifestantes dizem que já estiveram, por diversas vezes, na Secretaria Municipal de Infraestrutura cobrando a colocação dos redutores de velocidade, mas ainda não foram atendidos. “Estamos aqui protestando para ver se conseguimos chamar a atenção da prefeitura”, disse um dos manifestantes.

O QUE DIZ A PREFEITURA - O secretário de Infraestrutura, Pedro Bonomo, informou ao RADAR 64 que está em processo de licitação a instalação de 90 quebra-molas em vários locais da cidade.

De acordo com o secretário, além dos redutores de velocidade, está sendo licitada ainda a pintura de faixas de segurança e a colocação de placas de sinalização. “Já estamos em processo bem avançado. Acredito que no mais tardar, em 20 dias, iniciaremos esse trabalho”, garantiu Bonomo.

WhatsApp do RADAR 64: (73) 98844-0216.
Adicione nosso número e envie vídeo, foto ou apenas o seu relato. Dica importante: grave ou fotografe sempre com o celular na horizontal (deitado). Sua sugestão será apurada por um repórter. Participe!

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018