Lixo marinho é tema do II Encontro Jovem Mar com 50 participantes do Brasil

Ação está sendo realizada até domingo nas praias do litoral sul

Da Influência Comunicação
Publicado em 30/11/2018 às 17h03
Foto: Divulgação  
Rede Biomar instiga a reflexão crítica para fortalecer o protagonismo juvenil em políticas públicas

TEXTO SEGUE DEPOIS DA PUBLICIDADE
PORTO SEGURO - Com o tema “Nosso Lixo, Nossos Mares”, está sendo realizado entre esta sexta-feira (30) e domingo (2/12) o II Encontro Jovem Mar, em Arraial d’Ajuda, município de Porto Seguro.

A ação reúne cinco grupos com 10 jovens de comunidades litorâneas brasileiras, com idades entre 12 e 29 anos. Hospedados na mesma pousada, eles participam de programação diversificada, na qual a moderação busca estimular a reflexão crítica sobre conceitos e práticas de conservação e sustentabilidade socioambiental relacionadas a políticas públicas.

TEXTO SEGUE DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Esperamos que essa formação cidadã continuada contribua para que eles consigam realizar as ações planejadas coletivamente, ultrapassando suas fronteiras locais”, explica a oceanógrafa Flávia Guebert, coordenadora do Projeto Coral Vivo, que é responsável pela organização desse encontro de âmbito nacional em Arraial d’Ajuda.

A coordenadora de Educação e Políticas Públicas do Coral Vivo, Teresa Gouveia, destaca que o resultado final estará baseado no que o grupo priorizar: “Assim, estamos mantendo o propósito de propiciar o empoderamento e o exercício da cidadania participativa desses jovens”, diz ela.

Entre as sugestões da moderação estão, por exemplo, a redação de cartas e propostas, assim como o monitoramento do lixo marinho em cada comunidade e a criação de uma rede de informações.

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
Foi convidado para apresentar o tema “O Lixo Humano” o especialista Hildon Carrapito, junto com sua filha Stephanie, 7 anos, do Rio de Janeiro. Eles darão um depoimento sobre as diversas ações e eventos com foco na natureza que realizam desde 2003 pelo Brasil por meio da empresa Amigança Produções.

Eles acabam de ser convidados para participar do Prêmio Parceiros dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável 2018, que será realizado no início de dezembro no Palácio do Itamaraty, no Rio de Janeiro.

Faz parte da programação também uma saída para a praia para que os jovens coletem lixo e construam esculturas de animais marinhos e ecossistemas estudados por seus respectivos projetos.

Cada grupo vem de realidades sociais, culturais, econômicas e ambientais distintas. Esses jovens foram eleitos nos encontros regionais, com o tema lixo marinho, e moram em áreas próximas a Fernando de Noronha (PE), Ponta dos Mangues (SE), Porto Seguro (BA), Caravelas (BA), Ubatuba (SP) e Santos (SP).

São parceiros do projeto a Petrobras, Albatroz, Baleia Jubarte, Coral Vivo, Golfinho Rotador e Tamar.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018