Obstáculos construídos pra dificultar ação policial no Campinho são destruídos

Obstáculos foram construídos por bandidos em ruas de pouco movimento pra evitar que fossem surpreendidos

Por Redação RADAR 64
Publicado em 18/10/2017 às 09h17
Foto: Divulgação / 8ª BPM 
Obstáculos possibilitavam que criminosos  não fossem surpreendidos com chegada rápida das viaturas

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIOS

PORTO SEGURO - Policiais militares do 8° Batalhão de Polícia Militar (8º BPM) usaram um trator para destruir, na manhã desta quarta-feira (18), vários obstáculos (quebra-molas) que foram construídos visando dificultar a ação da Polícia Militar na Rua Santa Catarina, no Campinho, em Porto Seguro.

Segundo a polícia, os obstáculos possibilitavam que criminosos - estabelecidos nessa localidade - não fossem surpreendidos com a chegada rápida das viaturas, facilitando, desta forma, as fugas. “Nos últimos meses, após a ampliação das ações policiais militares no setor, foram construídos novos quebra-molas, fato que chamou nossa atenção”, informou o comando do 8°BPM, major Anacleto França.

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIOS
Os redutores de velocidade construídos pelo poder público municipal foram mantidos e os demais removidos. “Em alguns becos, sequer, existe movimentação frequente de veículos que justifique a construção das lombadas. Elas, nitidamente, foram erguidas para dificultar nossa ação", destacou o major.

Foto: Divulgação / 8ª BPM 
Trator foi usado para destruir vários obstáculos na Rua Santa Catarina

CADASTRAMENTO DE MORADORES – Anacleto destacou ainda que a Polícia Militar tem feito ações de aproximação com a comunidade local, e com esse objetivo realizou o cadastramento de todos os moradores dessa rua. “Estamos buscando conhecer quem reside ali, para melhorar a interlocução com estas pessoas e acabar com a influência de grupos de criminosos, especialmente, ligados ao tráfico de drogas”, enfatizou o comandante, destacando ainda que foi estabelecida uma ronda específica para esse setor da cidade. 

PÁGINA SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO

ÚLTIMAS NOTÍCIAS