Publicado em 27/09/2010 às 15h32, atualizado 10/07/2011 às 18h14

Secretário e delegado falam sobre a mega operação

Por Redação RADAR64

PORTO SEGURO - A Operação Redenção, que envolveu cerca de 120 policiais civis e militares, foi realizada nesta segunda-feira (27) em Porto Seguro. 20 viaturas e até um helicóptero foram empregados no trabalho.

A ação, que começou por volta das 06h da manhã, contou com o apoio da Superintendência de Inteligência da Polícia Civil e do Grupamento Aéreo da PM e foi intensificada no complexo de bairros Baianão, no Areial e no distrito de Arraial d’Ajuda.

Segundo do delegado Evy Paternostro, coordenador regional da Polícia Civil, o objetivo da operação é combater crimes como tráfico de drogas e armas, lavagem de dinheiro e assalto a banco.

O alvo principal, o traficante André Matos de Jesus, conhecido como ‘Padaria’ ou ‘Buiu’, conseguiu fugir. Foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão e 18 de prisão.

17 pessoas foram presas, a maior parte em cumprimento a mandado judicial e outras por envolvimento com tráfico e por porte ilegal de arma. Entre os detidos está o traficante Romário Oliveira Brito, o ‘Romarinho’.

Foto: Reprodução 
Segundo polícia, além de taxista, Igor era o braço direito da quadrilha de traficantes
Ainda de acordo com a polícia, morreu em confronto Igor Ribeiro Silva, 24 anos, que seria o braço direito da organização criminosa. Conforme a polícia, Igor, que também trabalhava de taxista na rodoviária, reagiu à prisão.

‘Na execução do mandado de busca, ele fugiu pelos fundos de sua casa, pulou quintais de outras residências, entrou em casa de uma família de bem e, armado, literalmente expulsou os moradores. Entramos nesse imóvel. Ele reagiu com tiros e acabou indo a óbito em confronto com a força do Estado’, disse o delegado.

Foram apreendidas duas motocicletas, uma pistola 380, uma pistola nove milímetros, um revólver 38, um rifle semi-automático 44, dois quilos de maconha, cerca de 400 pedras de crack, uma pequena quantidade de cocaína e R$ 3 mil em dinheiro.

O secretário de Segurança Pública da Bahia, César Nunes, bem como o diretor geral da Polícia Civil, delegado Joselito Bispo, estiveram em Porto Seguro acompanhando a operação.

‘A arma longa era usada pelos olheiros, que ficam homiziados na mata. A utilização do helicóptero foi fundamental para a localização dos bandidos’, falou o secretário.

‘Essa é mais uma ação da polícia da Bahia, buscando dar mais segurança ao município de Porto Seguro. O trabalho teve como base as investigações feitas pelo delegado Evy e sua equipe’, destacou César Nunes.

O delegado Evy afirmou ao RADAR64 que a operação vai continuar e que o objetivo é desarticular a grande organização criminosa que atua na região.

‘A comunidade teve importância fundamental nesse desfecho, colaborando com a polícia. Hoje pudemos ver que os moradores do Baianão sofriam com a opressão da quadrilha’, finalizou o coordenador.

 
AVISO: O conteúdo de cada comentário nesta página é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RADAR64 2007 - 2014

Mensagem enviada com sucesso!

Sua mensagem foi enviada ao RADAR 64 e responderemos a ela o mais breve possível.

O RADAR 64 agradece o contato,

Logo RADAR64

Caro visitante,

Nós do RADAR 64, disponibilizamos este canal de comunicação direto entre você e a nossa redação para atendê-lo da melhor forma possível.

Suas dúvidas, críticas e sugestões são elementos importantes para o aperfeiçoamento e qualidade do nosso portal de notícias.

Preencha o formulário desta página ou entre em contato através das opções descritas abaixo.