Publicado em 07/06/2012 às 22h29, atualizado 11/06/2012 às 10h23

Operação pretende destruir 1700 fornos de carvão

Por Redação RADAR64, com informações do MP/BA e do iBahia
Foto: Reprodução
Objetivo de combater a produção e venda irregulares de carvão

TEIXEIRA DE FREITAS - Cidades do extremo sul baiano são alvo de uma operação do Ministério Público estadual, a Polícia Militar e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) que tem o objetivo de combater a produção e venda irregulares de carvão.

Segundo o promotor de Justiça Regional Ambiental de Teixeira de Freitas, Fábio Fernandes Corrêa, a “Operação Cruzeiro do Sul II” deve destruir aproximadamente 1700 fornos que produzem carvão sem licença ambiental, usando madeira roubada ou retirada da Mata Atlântica, em Teixeira de Freitas, Mucuri, Alcobaça, Prado, Caravelas e Nova Viçosa.

A operação pretende ainda apurar outros crimes ambientais ligados à produção, transporte e comercialização de carvão, bem como ilícitos correlatos, a exemplo de incêndio, furto, roubo, receptação, formação de quadrilha e sonegação fiscal.

Segundo o MP, o carvão produzido é comercializado por empresas “laranja” e abastece siderúrgicas da Bahia, Espírito Santo e Minas Gerais. A operação já começou, mas o Ministério Público não divulgou quando será encerrada.

 

PUBLICIDADE
 
AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

Newsletter RADAR 64
Receba nossas notícias por e-mail
Aceito receber e-mails do RADAR 64 e parceiros
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Você já receberá nosso próximo envio.
Clique aqui se quiser cadastrar mais um e-mail.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RADAR64 2007 - 2014

Notícias Relacionadas

Mensagem enviada com sucesso!

Sua mensagem foi enviada ao RADAR 64 e responderemos a ela o mais breve possível.

O RADAR 64 agradece o contato,

Logo RADAR64

Caro visitante,

Nós do RADAR 64, disponibilizamos este canal de comunicação direto entre você e a nossa redação para atendê-lo da melhor forma possível.

Suas dúvidas, críticas e sugestões são elementos importantes para o aperfeiçoamento e qualidade do nosso portal de notícias.

Preencha o formulário desta página ou entre em contato através das opções descritas abaixo.