Produção de papel e celulose na região cresce mais de 40%

Publicado em 18/05/2017 às 11h06
Por Redação RADAR 64, com informações da Secom / BA
Foto: Amanda Oliveira/GOVBA 
Considerada uma das indústrias mais avançadas do mundo no setor, Veracel é especializada na produção de celulose

O papel está presente em praticamente todos os segmentos da vida doméstica, acadêmica e empresarial. Mesmo com as dificuldades econômicas enfrentadas pelo país, o setor de papel e celulose na Bahia registra um crescimento na produção de 40,6%, no acumulado de 2006 até março deste ano, segundo dados da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI).

ANÚNCIOS
No período de janeiro a abril de 2017, o segmento de papel e celulose foi o segundo mais importante nas exportações baianas com participação de 16,67%. Ainda de acordo com a SEI, as exportações neste setor em 2017 somam, até o momento, US$ 382,804 milhões. Somente de janeiro a março de 2017, 66 novas vagas de emprego foram ocupadas no setor. Na área de produção, até março deste ano, houve crescimento de 1,1%.

Galeria de Fotos

Nesse período, a China continuou sendo o maior mercado para as exportações de papel e celulose da Bahia. Dois municípios, Eunápolis e Mucuri, no extremo sul do estado, se destacam na produção e são sedes de grandes empresas do segmento - a Veracel, instalada em Eunápolis, e a Suzano, localizada em Mucuri. Considerada uma das indústrias mais avançadas do mundo no setor, a Veracel é especializada na produção de celulose. Já a Suzano, atualmente em expansão, produz de forma integrada (papel e celulose) e possui a maior unidade produtora de celulose e papel do Brasil.

Maior produtividade - De acordo com Sergio Alipio, advisor de Relações Institucionais da Veracel, a planta de Eunápolis foi desenhada em 2005 para uma capacidade de 900 mil toneladas de celulose por ano. “Com as melhorias de processo, hoje estamos com a capacidade de 1.12 mil toneladas por ano. Isso significa um crescimento de mais de 25% da nossa capacidade instalada”.

Foto: Amanda Oliveira/GOVBA  
Planta da Veracel em Eunápolis foi desenhada em 2005 para uma capacidade de 900 mil toneladas de celulose por ano

Ainda segundo Sergio Alipio, “a Veracel se tornou exportadora participando do Programa Desenvolve, oferecido pelo governo. Outro fator foi a produtividade florestal do sul da Bahia que nos coloca em um nível de competitividade internacional muito importante”.

Alípio informa também que a indústria mantém três mil empregos permanentes, entre diretos e indiretos. “A Veracel também realiza cerca de R$ 300 milhões em compras por ano sobretudo na Bahia. Em termos de serviços, temos algo em torno de R$ 360 milhões contratados, e aquelas empresas que não são baianas têm CNPJ baiano, elas têm que ter recolhimento na Bahia. A Veracel gera ainda cerca de R$ 100 milhões de tributos entre federais, estaduais e municipais”.

Infraestrutura

Para o superintendente de Atração de Investimentos da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Paulo Guimarães, os recursos aplicados pelo governo em infraestrutura são fundamentais para o desenvolvimento do setor industrial. “Nós estamos negociando com os Chineses e com a Bahia Mineração a conclusão da Ferrovia Oeste-Leste, especialmente no trecho Caetité-Ilhéus, e a construção do Porto Sul, que vão permitir o escoamento dessa produção. Temos projetos de ampliação do Terminal de Contêineres do Porto de Salvador, outros projetos a serem implantados no Porto de Aratu. Este conjunto vai trazer uma realidade portuária que vai ampliar a indústria baiana, inclusive a de celulose”.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Produção de papel e celulose na região cresce mais de 40%

AVISO IMPORTANTE

O conteúdo que você se dispõe a ver contém imagens fortes e que podem causar choque emocional. Esse conteúdo é dirigido especificamente para pessoas maiores de idade e que, segundo a legislação aplicável, tenham preparo psicológico para acessá-lo.

Fica terminantemente proibido o acesso a esse material por aqueles que não cumpram tais requisitos.

Clicando em FORTES, você declara expressamente que é maior de idade e tem plena capacidade para acessar esse material.

Caso você não atenda a algum dos requisitos anteriormente expostos fica obrigado a clicar em LIVRES ou no BOTÃO FECHAR [X] no canto superior desta janela.