Aumento de queimadas às margens de rodovias coloca motoristas em risco

Só na quarta-feira, bombeiros foram acionados pra combater mais de sete incêndios

Redação RADAR 64
Publicado em 11/10/2018 às 11h12
Foto: Internauta / RADAR 64  
Na noite de quarta-feira, fogo atingiu vasta área às margens da BR-367, em Eunápolis

TEXTO SEGUE DEPOIS DA PUBLICIDADE
EUNÁPOLIS - O 6º Grupamento de Bombeiro Militar, em Porto Seguro, foi acionado, quarta-feira (10), para combater mais de sete focos de incêndios em áreas de vegetação nos municípios de Eunápolis, Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália.

TEXTO SEGUE DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Infelizmente, ainda falta conscientização sobre os riscos das queimadas, pois a grande maioria é provocada por pessoas que se utilizam de fogo para limpar terrenos ou queimar lixo”, lamentou um bombeiro, em entrevista ao RADAR 64.

Galeria de Fotos

Muitos incêndios ocorrem às margens de estradas e a nuvem de fumaça coloca em risco a vida dos motoristas. Na noite de quarta, por exemplo, a fumaça cobriu um trecho da BR-367, a cerca de sete quilômetros do centro de Eunápolis, prejudicando a visibilidade de quem passava pelo local. As chamas estavam bem próximas da pista.

Foto: Internauta / RADAR 64 
Muitas queimadas têm sido registradas nos últimos dias na região

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
Há 10 dias, outro incêndio destruiu parte da vegetação de uma área localizada entre o centro e o bairro Pequi, em Eunápolis, na confluência das BRs 101 e 367. De acordo com os bombeiros, a suspeita é que o incêndio tenha sido criminoso.

A orientação da Polícia Rodoviária Federal, nestes casos, é que os condutores reduzam a velocidade e mantenham uma distância segura do veículo da frente ao atravessar uma nuvem de fumaça. “Se a fumaça estiver muito forte, o recomendado é estacionar em uma área segura e aguardar a visibilidade melhorar para seguir viagem”, informou um policial.

FOGO EM ÁREA DE RESTINGA - Na terça-feira (09), a equipe de brigadistas pataxó de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália e um grupo de moradores de uma reserva indígena combateram um incêndio que destruiu cerca de dois hectares de uma área de restinga, próxima à Reserva Indígena da Jaqueira, na Orla Norte de Porto Seguro.

Foto: Internauta / RADAR 64  
Incêndio destruiu cerca de dois hectares de uma área de restinga na orla de Porto Seguro

“O fogo estava quase atingindo a reserva, onde tem muitas casas”, contou o chefe da brigada, Uberlândio de Oliveira. “O pessoal utiliza fogo para limpar a área e acaba perdendo o controle e as chamas se espalham”, afirma Uberlândio.

Segundo o brigadista, com as altas temperaturas registradas durante esse período do ano há um risco maior de incêndios em áreas de vegetação. “Esses incêndios podem ser provocados até mesmo por bitucas de cigarros jogadas por motoristas às margens das rodovias”, alertou. 

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018
Aumento de queimadas às margens de rodovias coloca motoristas em risco

AVISO IMPORTANTE

O conteúdo que você se dispõe a ver contém imagens fortes e que podem causar choque emocional. Esse conteúdo é dirigido especificamente para pessoas maiores de idade e que, segundo a legislação aplicável, tenham preparo psicológico para acessá-lo.

Fica terminantemente proibido o acesso a esse material por aqueles que não cumpram tais requisitos.

Clicando em FORTES, você declara expressamente que é maior de idade e tem plena capacidade para acessar esse material.

Caso você não atenda a algum dos requisitos anteriormente expostos fica obrigado a clicar em LIVRES ou no BOTÃO FECHAR [X] no canto superior desta janela.