Rogério Andrade é solto após pagar fiança de R$ 90 mil

Ex-secretário Rilson Neres permanece detido em Eunápolis

Por Redação RADAR 64
Publicado em 18/05/2017 às 19h05
Foto: Gustavo Moreira / RADAR 64  
Até uma cadeira, furtada do gabinete do prefeito, foi apreendida durante a operação

ANÚNCIOS

EUNÁPOLIS - O ex-prefeito de Itagimirim, Rogério Andrade (PP), foi solto na tarde desta quinta-feira (18), após pagar a fiança R$ 90 mil. Segundo o delegado Moisés Damasceno, ele foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, já que no dia anterior, durante uma operação realizada a pedido do Ministério Público, foi apreendida uma espingarda calibre 12 em um de seus imóveis.

Andrade e quatro ex-secretários municipais foram levados coercitivamente para prestar depoimento na delegacia de Eunápolis. Segundo o promotor de justiça Helber Luiz Batista, eles são investigados por uma série de irregularidades na prefeitura.

TEXTO SEGUE DEPOIS DO ANÚNCIO
ANÚNCIOS
Na ação, que teve autorização da justiça, foram apreendidos documentos e diversos bens, dentre eles a cadeira do gabinete do prefeito. O material foi furtado no fim da gestão de Rogério Andrade.

Na quarta-feira (17), os ex-secretários Rafael Amaral, Sérgio Murilo e Wesley Gonçalves foram ouvidos e liberados, mas Rilson Neres permaneceu detido, à disposição da justiça, pois a polícia apreendeu com ele munição de fuzil calibre 762, de uso restrito.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS