Publicado em 18/08/2013 às 11h26, atualizado 20/08/2013 às 16h36

Sequestro relâmpago: PM prende quadrilha e liberta pai e filho

Por Redação RADAR 64
Foto: RADAR 64
Anderson de Jesus Vieira e Walas Ferreira Santos foram autuados em flagrante

Um homem e o filho vítimas de sequestro relâmpago na madrugada deste domingo (18), perto de um hotel na orla norte de Porto Seguro, foram libertados pela Polícia Militar. Suspeitas de envolvimento no crime, quatro pessoas foram detidas em flagrante – duas delas são adolescentes. Armas de fogo, uniformes similares aos do Exército e vasta quantidade de munição, segundo a polícia, estavam com os acusados.

Galeria de Fotos

Logo que recebeu a informação, a Polícia Militar mobilizou duas equipes, que conseguiram fazer um cerco aos assaltantes na Estrada do bairro Paraguai. Os bandidos preferiram não reagir e libertaram pai e filho – que tinham sido levados em um Gol branco. O carro pertence a uma das vítimas.

Foto:
Além do armamento e da munição de uso restrito, também foram apreendidos uniformes do Exército

Durante a prisão, os sequestradores revelaram que guardavam mais armas em uma mata no Quinto Centenário, em Coroa Vermelha, município de Santa Cruz Cabrália. No local indicado foram apreendidos cartuchos de calibres variados, dentre eles Ponto45, uma espingarda calibre 12, uma pistola Ponto40, um revólver 38, um carregador de pistola Ponto40 e blusas camufladas.

Anderson de Jesus Vieira e Walas Ferreira Santos foram autuados em flagrante e estão custodiados na 1ª Delegacia Territorial de Porto Seguro. Os adolescentes estão à disposição da autoridade competente. A polícia investiga a participação deles em outros assaltos na orla.

 
AVISO: O conteúdo de cada comentário nesta página é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RADAR64 2007 - 2014

Mensagem enviada com sucesso!

Sua mensagem foi enviada ao RADAR 64 e responderemos a ela o mais breve possível.

O RADAR 64 agradece o contato,

Logo RADAR64

Caro visitante,

Nós do RADAR 64, disponibilizamos este canal de comunicação direto entre você e a nossa redação para atendê-lo da melhor forma possível.

Suas dúvidas, críticas e sugestões são elementos importantes para o aperfeiçoamento e qualidade do nosso portal de notícias.

Preencha o formulário desta página ou entre em contato através das opções descritas abaixo.