Agressão a motorista do Uber em aeroporto é investigada pela polícia de Porto Seguro

Ele afirma que foi esmurrado por cinco taxistas; lei proíbe serviço na cidade

Redação RADAR 64
Publicado em 01/10/2018 às 10h29
Foto: Reprodução / WhatsApp  
Motorista do Uber afirmou que foi esmurrado por um grupo de cinco taxistas em Porto Seguro

PORTO SEGURO - Mais uma confusão envolvendo taxistas e motoristas de Uber (aplicativo que oferece serviço semelhante a táxi) ocorreu na manhã de domingo (30), no aeroporto Internacional de Porto Seguro.

Um motorista do aplicativo (que ainda não teve o nome confirmado) afirma que foi agredido por cinco taxistas que não aceitavam que ele atuasse no transporte de passageiros no local.

Galeria de Fotos

Com um ferimento no olho, causado por um soco, o motorista foi socorrido por um policial militar e um policial federal que estavam no aeroporto.

Em um áudio encaminhado ao RADAR 64, outro motorista do aplicativo informou que os conflitos com os taxistas têm sido constantes na cidade. “Nós, motoristas de Uber, estamos sendo agredidos. Os motoristas de táxi já jogaram muitos carros em cima da gente”, declarou.

Foto:  Reprodução / WhatsApp 
Associação diz que confussão começou após motorista começar a tirar fotos dos taxistas que reclamavam de serviço

Um dos coordenadores da Associação de Taxistas de Porto Seguro, que é responsável pela área do aeroporto, declarou ao RADAR 64 que a confusão começou depois que o motorista do Uber passou a tirar fotos e empurrar um taxista que trabalha no terminal. Ele contestou a versão de que cinco taxistas participaram da agressão. Segundo a associação, tinham três taxistas na hora da briga.

“Segundo me informaram, o taxista foi alertar o motorista do Uber que ele não poderia atuar ali e o motorista do Uber começou a fazer fotos. Meu colega contestou e aí começou o empurra-empurra”, informou o coordenador da associação.

Ele, assim como o presidente de outra associação de taxistas da cidade, José Bispo, cobraram uma posição da prefeitura em relação à fiscalização da atuação dos motoristas de Uber na cidade. “Há uma lei municipal que proíbe a atuação de motoristas de Uber em Porto Seguro. A prefeitura não está fiscalizando e acaba acontecendo essas confusões. Sou contra a violência, mas os motoristas do Uber estão atuando de forma ilegal”, disse Bispo.

“Todo mundo está querendo trabalhar, tanto os taxistas quanto os motoristas do Uber, cabe à prefeitura regularizar essa situação”, avaliou o coordenador da associação.

O QUE DIZ A PREFEITURA – O setor de comunicação da Prefeitura e Porto Seguro informou, eum grupo de WhatsApp, que há uma lei municipal promulgada pela própria Câmara de Vereadores impedindo a atuação do serviço de transporte de passageiros por aplicativo. “Enquanto não houver uma decisão judicial, essa lei vigora no município. O serviço não está regulamentado aqui”, destaca a mensagem.

Sobre a agressão, a assessoria de comunicação informou que serão analisadas as imagens das câmeras de segurança do aeroporto e que será realizada uma reunião entre o presidente do sindicato dos taxistas e o departamento jurídico da prefeitura. “Estamos tentando localizar um representante do aplicativo também”, diz.

POLÍCIA INVESTIGA O CASO - O coordenador da Polícia Civil em Porto Seguro, delegado Marcelo Paiva, informou ao RADAR 64 que ainda está apurando as informações sobre o caso. “Ainda não tenho como outros detalhes. Preciso me inteirar da situação”, declarou o delegado.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018
Agressão a motorista do Uber em aeroporto é investigada pela polícia de Porto Seguro

AVISO IMPORTANTE

O conteúdo que você se dispõe a ver contém imagens fortes e que podem causar choque emocional. Esse conteúdo é dirigido especificamente para pessoas maiores de idade e que, segundo a legislação aplicável, tenham preparo psicológico para acessá-lo.

Fica terminantemente proibido o acesso a esse material por aqueles que não cumpram tais requisitos.

Clicando em FORTES, você declara expressamente que é maior de idade e tem plena capacidade para acessar esse material.

Caso você não atenda a algum dos requisitos anteriormente expostos fica obrigado a clicar em LIVRES ou no BOTÃO FECHAR [X] no canto superior desta janela.