Caminhada 'Outubro Rosa' reúne centenas de mulheres em Eunápolis

Ação fez parte das atividades voltadas à prevenção ao câncer de mama

Marina Caldeira / RADAR 64
Publicado em 04/10/2019 às 17h18

EUNÁPOLIS - A campanha Outubro Rosa ganhou força em Eunápolis, com a tradicional caminhada que reuniu mais de mil pessoas, entre homens e mulheres, na manhã desta sexta-feira (04). A ação levou a mensagem sobre a importância do diagnóstico precoce e a prevenção do câncer de mama.

A concentração ocorreu por volta das 8h, no início da Avenida Porto Seguro, que foi colorida de rosa. Houve ainda trio elétrico e uma fanfarra.

Galeria de Fotos

Segundo o Ministério da Saúde, a cada 10 novos casos de câncer diagnosticados anualmente no Brasil, três são de mama.

Foto: Gustavo Moreira / RADAR 64 
Prefeito Robério Oliveira: 'Tem exame de mamografia para todo mundo'

“Eunápolis registrou cinco óbitos por câncer de mama. Homens também tiveram a doença e estão sendo tratados aqui. Então, a conscientização é importante. Eu fiquei muito satisfeito com o resultado da caminhada, pois os participantes vão difundir estas informações. A população pode ir ao posto de saúde, tem mamografia para todo mundo. São 3.900 exames nos bairros”, informou o prefeito Robério Oliveira.

A prefeitura está reforçando os serviços de prevenção ao câncer de mama, mobilizando as equipes da Secretaria de Saúde para atender a toda a população.

“Qualquer pessoa que tiver necessidade ou curiosidade pode ir até às 25 Unidades Básicas de Saúde, pois lá as equipes estão mobilizadas. O nosso foco é a prevenção, com orientação sobre autoexame de mama, exame com profissional qualificado e encaminhamento para fazer uma mamografia”, destacou a secretária de Saúde, Márcia Quaresma.

Mulheres que enfrentaram o câncer de mama aderiram à campanha e alertaram sobre a necessidade do cuidado com a saúde.

Foto: Gustavo Moreira / RADAR 64 
Depoimento da comerciante Cecília Pimentel, que enfrentou um câncer de mama

“Têm cinco anos que descobri câncer de mama fazendo exame de rotina. Fiz quimioterapia e agora em dezembro termino meu tratamento. Eu passo para as pessoas que se a doença fora descoberta cedo, tem muita chance de cura. Façam exames todos os anos, busquem tratamento, esse mito de ‘estou com câncer, estou morrendo’ acabou. Sempre falo para as pessoas que existe vida após o câncer”, frisou a agente comunitária de saúde Marilene José de Brito.

 “Após oito sessões de quimioterapia o nódulo não existia mais, não foi preciso tirar minha mama. Eu mesma, até ter câncer, nunca havia participado de alguma ação de prevenção. Precisei esperar o câncer chegar até mim para descruzar os braços e compartilhar o máximo possível para que as mulheres se cuidem”, disse a comerciante Cecília Pimenta.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018
Caminhada 'Outubro Rosa' reúne centenas de mulheres em Eunápolis

AVISO IMPORTANTE

O conteúdo que você se dispõe a ver contém imagens fortes e que podem causar choque emocional. Esse conteúdo é dirigido especificamente para pessoas maiores de idade e que, segundo a legislação aplicável, tenham preparo psicológico para acessá-lo.

Fica terminantemente proibido o acesso a esse material por aqueles que não cumpram tais requisitos.

Clicando em FORTES, você declara expressamente que é maior de idade e tem plena capacidade para acessar esse material.

Caso você não atenda a algum dos requisitos anteriormente expostos fica obrigado a clicar em LIVRES ou no BOTÃO FECHAR [X] no canto superior desta janela.