Homem morre depois de pular muro e bater cabeça no chão no Gusmão

Ele, que teve traumatismo craniano, deixa mulher e um filho

Redação RADAR 64
Publicado em 14/11/2019 às 18h20
Foto: Arquivo pessoal 
Elinaldo Costa Cunha morreu depois de pular muro e bater cabeça no chão

EUNÁPOLIS - Um acidente trágico comoveu a população do bairro Gusmão, em Eunápolis. Um homem de 38 anos morreu no Hospital Regional, na manhã desta quinta-feira (14), horas depois de pular o muro da sua casa e bater a cabeça no chão.

Segundo informações colhidas pelo RADAR 64, Elinaldo Costa Cunha saiu para visitar um familiar e esqueceu as chaves dentro da sua casa, na Rua do Oeste. Por volta das 22h de quarta-feira (13), quando retornou para a residência, Elinaldo precisou pular o muro e acabou sofrendo uma queda e batendo a cabeça.

Um vizinho que estava com ele acionou uma equipe do SAMU, que prestou os primeiros socorros e encaminhou a vítima para o hospital. Conforme a informação, Elinaldo sofreu traumatismo craniano. Devido ao estado crítico, Elinaldo seria encaminhado para o Hospital Luís Eduardo Magalhães, mas morreu antes da transferência.

Conhecido como “Teco”, Elinaldo era autônomo e deixa mulher e um filho adolescente. O corpo do autônomo está sendo velado no salão da Paróquia Santo Antônio, no bairro Gusmão. O enterro será no Cemitério Campo Santo, no bairro Alto da Boa Vista, na manhã de sexta-feira (15).

A morte de Elinaldo causou grande comoção nos moradores do bairro Gusmão. Muitos amigos e familiares comparecerem ao velório para se despedir do autônomo. O caso também repercutiu nas redes sociais, onde muitas pessoas deixaram suas mensagens de condolências à família.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018