Índio mata cão que comia galinhas na vizinhança

Cachorro foi abatido a pauladas; ele vai responder por crime ambiental

Redação RADAR 64
Publicado em 11/09/2019 às 17h10
Foto: Internauta/RADAR 64 
Florisvaldo confessou ter matado cachorro a pauladas

SANTA CRUZ CABRÁLIA - Um indígena de 68 anos foi detido na manhã desta quarta-feira (11) acusado de matar seu cachorro a pauladas na Aldeia Santa Maria, no município de Santa Cruz Cabrália.

Segundo a Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA), Florisvaldo Marques da Conceição confessou que cometeu o crime ambiental devido reclamações sobre o cachorro, que estaria comendo criações de galinhas dos vizinhos.

O indígena, conforme a informação, foi localizado na sua residência, que fica na Rua Moroak. O corpo do animal não foi encontrado no local.

Foto: Internauta/RADAR 64 
Cachorro foi morto a pauladas em Cabrália

A CIPPA informou que tomou conhecimento do caso após ter acesso a um vídeo gravado por uma mulher, não identificada, onde o acusado confessa e justifica o crime. Em outro vídeo, o cachorro aparece morto.

O delegado Bruno Barreto confeccionou um termo circunstanciado de ocorrência por crime ambiental contra a fauna em desfavor do acusado. Ele vai responder ao processo em liberdade.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018