Suspeito de assalto à casa de luxo e assassinato de manicure é morto a tiros

Moisés teria sido atingido por mais de 10 disparos; mulher dele também foi ferida

Redação RADAR 64, com informações do Verdinho Itabuna
Publicado em 07/10/2019 às 08h37
Foto: Arquivo RADAR 64 
Moisés foi morto com mais de dez tiros em casa em Itabuna

EUNÁPOLIS - Procurado pela polícia por suspeita de participação em um assalto a uma casa de luxo e um homicídio em Eunápolis, Moisés Bandeira dos Santos, de 22 anos, foi assassinado no fim da noite de domingo (06).

Segundo apuração do RADAR 64, Moisés foi atingido por mais de 10 tiros disparados por homens armados que invadiram sua casa no bairro Nova Itabuna, na cidade de Itabuna, no sul do estado. A mulher dele, Thainara Ferreira Alves, de 18 anos, que ficou ferida no braço e na perna, foi levada para o Hospital de Base.

Foto: RADAR 64 
Bandidos fugiram com carro roubado em carro de luxo; eles trocaram tiros com a polícia

No dia anterior, a polícia havia divulgado a foto de Moisés e de outros dois homens como suspeitos de assaltar uma casa de luxo e manter uma família refém na região central de Eunápolis, na sexta-feira (04). Todos foram considerados foragidos.

De acordo com a polícia, as investigações ainda apontaram que Moisés também teve envolvimento na morte da manicure Sabrina Batista Gomes. O corpo dela foi encontrado em uma cova rasa entre os bairros Stela Reis e Moisés Reis, no último dia 27 de setembro.

O corpo de Moisés foi encaminhado para necropsia no Instituto Médico Legal de Itabuna. Ele já tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma e tráfico de drogas em julho de 2016, e, cerca de um ano depois, foi preso também por tráfico e tortura.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018