Operação busca foragidos por roubo, homicídio e estupro na região

Batizada de #PC27, operação nacional é coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil

Redação, com informações do G1 DF
Publicado em 24/04/2019 às 09h06
Foto: RADAR 64  
Policiais civis da 23ª Coorpin cumprem mandados de prisão em Belmonte, extremo sul da Bahia

BAHIA - As polícias civis cumprem, nesta quarta-feira (24), mandados de prisão no Distrito Federal e nos 26 estados, inclusive na Bahia. No extremo sul do estado, policiais da 23ª Coorpin atuam em cidades como Belmonte, dentre outras.

A megaoperação visa prender foragidos da Justiça. Os alvos são acusados de crimes graves como roubo, homicídio, Latrocínio (roubo seguido de morte) e estupro.

Foram expedidos mais de mil mandados de prisão, mas até a última atualização desta reportagem não havia sido divulgado o balanço do total de presos no país.

A previsão é que o número de prisões seja anunciado após o cumprimento dos mandados.

A operação nacional, batizada de #PC27, é coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil. "É muito importante que esses criminosos sejam retirados das ruas para que não voltem a delinquir", afirma o delegado Robson Cândido, diretor da corporação no DF.

O nome da operação é uma referência à padronização de todas as polícias civis das 27 unidades federativas do país. Os mandados de prisão foram expedidos pela Justiça, após trabalho de investigação. Cada uma das polícias civis fez levantamento de inteligência para a operação.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018