Polícia ambiental descobre dezenas de aves em cativeiro

Duas pessoas responsáveis pelas atividades foram levadas pra delegacia

Redação RADAR 64
Publicado em 11/01/2019 às 11h55
Foto: RADAR 64 
Aves eram mantidas em gaiolas; cativeiro funciona em duas casas no bairro Campinho

A polícia ambiental descobriu, no início da noite de quinta-feira (10), que dezenas de aves silvestres estavam sendo criadas irregularmente em cativeiro, em duas casas no bairro Campinho, na cidade de Porto Seguro.

Os policiais militares da Companhia Independente de Policiamento de Proteção Ambiental (Cippa) chegaram até o local, na Rua Rafael Vinhas, após denúncia anônima.

Segundo os policiais, são 10 pássaros das espécies papa-capim, papa-capim coleira e canário-da-terra.

Os responsáveis pela manutenção dos animais foram levados para a delegacia e vã ser multados e responder por crime ambiental. Eles não tiveram os nomes divulgados.

A Cippa informou que as ações de combate a cativeiros irregulares de espécies da Mata Atlântica buscam evitar práticas que coloquem em risco a função ecológica desses animais. Além dos maus tratos, a atividade representa risco de extinção para as aves.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018