Recém-saído do presídio morre em tiroteio com a Polícia Militar

Segundo a polícia, ele continuou praticando diversos crimes

Redação RADAR 64
Publicado em 04/04/2019 às 09h00
Foto: Arquivo / Paulo Barbosa / Rota 51 
Jurandir havia saído do presídio de Eunápolis há pouco tempo

GUARATINGA - Suspeito de homicídios, tráfico e assaltos, Jurandir Pereira dos Reis, 52 anos, foi morto em uma troca de tiros com a Polícia Militar, por volta das 14h de quarta-feira (03), na zona rural de Guaratinga.

Segundo os policiais, denúncias informavam que Jurandir, mais conhecido com Buju, estava escondido em uma casa numa fazenda na Estrada da Jacutinga.

Os policiais disseram que, enquanto cercavam a casa, Buju começou a atirar. No revide, ele acabou atingido. O acusado ainda foi levado para o hospital público do município, mas não resistiu.

Foram apreendidos um revólver calibre 38, com o número de série raspado, 60 gramas de maconha, uma espingarda artesanal, três telefones celulares, um documento de moto e uma placa de carro.

Os policiais que participaram da operação foram ouvidos pelo delegado Robson Andrade, que lavrou um auto de morte decorrente de oposição à intervenção policial. O corpo foi encaminhado para necropsia no Instituto Médico Legal.

Jurandir havia saído do presídio de Eunápolis há pouco tempo, onde cumpriu pena por um crime ainda não confirmado pela reportagem.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018