Servidores municipais entram em greve por tempo indeterminado em Guaratinga

Decisão é pautada no impasse referente ao atraso no pagamento do salário de dezembro

Blog da Rose Marie, com informações do Furo31
Publicado em 17/01/2019 às 10h24
Foto: Internauta / RADAR 64 
Servidores realizam protesto em frente ao prédio da Prefeitura de Guaratinga

GUARATINGA - A partir desta quinta-feira (17), os servidores públicos municipais de Guaratinga devem parar as atividades. A greve foi aprovada quarta-feira (16) em uma assembleia no SISPUG Sindicato. A decisão é pautada no impasse referente ao atraso no pagamento do salário do mês de dezembro de 2018 e o repasse da contribuição do sindicato dos servidores.

A prefeitura de Guaratinga convocou uma reunião entre o departamento financeiro e os representantes do sindicato ainda na quarta-feira para apresentar uma contra proposta.

De acordo com o SISPUG, a gestão apresentou apenas a proposta de pagamento dos seis meses de contribuição sindical em atraso referente a 2018, o que configura crime previsto no artigo 168 do Código Penal Brasileiro.

“A prefeitura se comprometeu a pagar o repasse sindical dos meses de Julho e Agosto no dia 21 de Janeiro; Setembro e Outubro no dia 30 de Janeiro; e Novembro e Dezembro no dia 10 de Fevereiro. No que se refere ao pagamento de dezembro não houve previsão de pagamento", contou o presidente em exercício do SISPUG, Alandions Menezes. 

Foto: Internauta / RADAR 64 
Decisão é pautada no impasse referente ao atraso no pagamento do salário de dezembro

Em assembleia, a categoria decidiu aceitar a proposta da contribuição sindical, mas aprovou uma greve por tempo indeterminado retornando as atividades somente após o pagamento de todos os servidores.

A prefeitura ainda não se posicionou sobre o assunto.

SIGA O RADAR 64

RADAR 64© - Todos os direitos reservados 2007 - 2018